O Colégio José Álvaro Vidal voltou a associar-se ao Plano Nacional de Cinema (PNC) com o intuito de motivar a Comunidade Educativa para o conhecimento da arte cinematográfica, principalmente aquela que não se enquadra no circuito mais comercial. 

No âmbito da participação da CEBI neste Projeto, os alunos do 1.º ciclo tiveram oportunidade de assistir a curtas-metragens relacionadas com a temática do Natal.

A atividade envolveu as 17 turmas do 1.º ao 4.º ano. Durante cinco dias, o Auditório da Fundação “vestiu-se” de espírito natalício e apresentou aos estudantes um conjunto de pequenos filmes, que foram “saboreados” com toda a atenção e delicadeza. 

200 Escolas participam no Projeto Nacional

Criado em 2013, o PNC nasceu com o “propósito de promover a literacia para o cinema junto do público Escolar” e de divulgar “obras cinematográficas de importância histórica e, em particular, de produção Nacional”. Esta foi a segunda vez que a CEBI se associou ao Projeto, fazendo, desta forma, parte de uma rede de comunicação entre “Escolas, Cineclubes, Festivais de Cinema e outras entidades culturais e académicas”, que têm um papel fundamental no desenvolvimento “de uma cultura cinéfila” junto dos estudantes.

Conscientes que “o cinema alarga os horizontes cognitivos e culturais dos jovens”, as experiências proporcionadas junto dos participantes do Plano Nacional de Cinema são “extremamente positivas”. Por isso mesmo, se no primeiro ano do Projeto apenas 23 Estabelecimentos de Ensino aderiram à iniciativa, em 2017 estão integrados no mesmo cerca de 200 Instituições na atividade. O PNC é dinamizado, desde a sua criação, pela Direção-Geral da Educação, pelo Instituto do Cinema e do Audiovisual e pela Cinemateca Portuguesa, e pretende, acima de tudo, valorizar a arte cinematográfica enquanto expressão artística.



VOLTAR